segunda-feira, 9 de novembro de 2015

Uma imagem surgindo em Mim

 Por Rosangela Brunet
"Uma imagem surgindo, e eu desvendando as palavras não ditas.A criação surgia em símbolos que me desarmavam .E elas me revelando o que vivia em mim .Flor de abril sem saber de mim floriu. No pulso de criança pulando no espectro das horas que não chegavam.Formas,cores e tons se misturando.Agora, eu tranquila,sei que é vida se instituindo .Longe do medo vou me saindo , me (des)encontrando, me (des)consertando , me confundindo e me (dis)persando de Não-existir; me (re)encontro com a vida que se encontra e se abre para mim.
Livre assim me desafio Ser permeando o que me atravessa submerso na alma .
Âmago do que desconheço,aquilo que move atingindo universos, pairando nesse tempo todo aqui dentro de mim ,e assim, me reconhecendo em ti.Sempre distraída compus cenários forjados com desejos reprimidos e negados;ia eu encenando sempre uma história disfarçada, e empurrava pra baixo o que me perdia; anulando meu viver,e sempre me abandonando de existir.
Meus heróis se foram aterrorizados.E ao olhá-los assim acordei o engano que morava em mim.Aqueles que um dia amei disfarçados, eram mascarados sobrevivendo em mim , velado em meus vazios.E registravam de longe apenas os restos de vida que se me desprendiam.
E rompendo de ser sempre a mesma, cindindo de estar no mesmo caminho, e engendrando uma partida, fui nesse rumor do nada diante do que não sabia;e sem lugar para existir entendi que não era mais ali que eu habitava.
Sei que não é fácil a solidão dos que não sabem nascer.Mas hoje suporto meu Caos , e me enfrento todos os dias para ver uma estrela em mim .E o caos,você sabe, sempre precede a Criação e a Luz. E hoje, se eu me escolhi é porque renasci em mim constelação, e tive o céu inteiro para crescer na eternidade"
Fotografia de "Angel"

Nenhum comentário:

Postar um comentário